Inicio Tecnología 2017 Italianos dicen que venderán su parte en Brasil Telecom (En portugués)

Italianos dicen que venderán su parte en Brasil Telecom (En portugués)

A Telecom Italia disse ontem que pretende investir 2,4 bilhões de euros até 2009 na TIM Brasil, segunda maior concessionária de telefonia móvel do país, e que quer vender a sua participação na Brasil Telecom (BrT, telefonia fixa).

De acordo com Carlo Buora, vice-presidente da empresa, o Brasil é “o ativo-chave em nossa estratégia de crescimento internacional”. Ele também confirmou a saída da BrT.

A empresa informou que deseja elevar a receita no Brasil neste ano em mais de 15% e acima de 10% ao ano, em média, até 2009. Ela disse que um dos seus projetos principais para os próximos anos é “confirmar a sua presença” na telefonia móvel no país.

Essas notícias, anunciadas no plano de investimentos da companhia para o período 2007-2009, surgem depois de vários meses de especulação sobre os rumos dos braços brasileiros da operadora.

A Telecom Italia é dona da TIM, a segunda maior companhia de telefonia móvel do Brasil. Também possui 38% da Solpart, holding controladora da BrT, empresa alvo do maior conflito societário brasileiro.

A Telecom Italia recebeu algumas propostas pela TIM Brasil, mas Buora depois negou a venda da operadora.

Sobre a BrT, concessionária de telefonia fixa do Norte, Centro-Oeste e Sul, as especulações giravam se haveria fusão com a TIM ou se os italianos venderiam suas ações na BrT.

Já o presidente da Telecom Italia, Guido Rossi, afirmou que o grupo italiano retomará as negociações com a espanhola Telefónica. “Realizamos entre dezembro de 2006 e janeiro de 2007 uma série de reuniões para identificar possibilidades de cooperação. Elas recomeçarão em algumas semanas.”

No começo do ano, executivos dos dois grupos se reuniram para discutir possíveis sinergias em países em que as duas operam, como o Brasil.

Fuente: Folha de Sao Paulo 

Opinión